sábado, 12 de janeiro de 2008

Uma ponta de lapis e um papel.

"Eu sei o que é amor por que você existe.
Não há outra explicação para o que sinto por você.
Eu te amo."
o poeta morto

3 comentários:

  1. Passada passageira.

    x)

    ResponderExcluir
  2. Não a outra forma de amar a não ser amar.

    Breve e direto o q escreveste, porém belo e profundo.

    Beijos!!!

    ResponderExcluir

Fique avontade!